Código fonte disponível é coisa antiga

Ao ouvir hoje em dias os termos “software livre” e “código aberto”, geralmente se pensa que são idéias recentes, de apenas alguns anos atrás, e para muitos trata-se apenas de uma “moda passageira” ou apenas mais “buzzwords”, coisa que não seria novidade no ramo da informática. Os mais desavisados provavelmente vão pensar que isto é uma moda que se iniciou no fim dos anos 90. Os ainda mais desavisados devem achar que é uma moda de “um pessoal aí” sobre “esse negócio de todos os programas serem de graça”. Mas não é de conceitos mal compreendidos que eu queria falar ainda – é da idade dessas idéias. A origem disso está mais distante que os anos 90.

Continuar lendo

Porque Livre?

Ontem dei uma palestra sobre software livre e de código aberto no I Encontro Nacional do GITEC, ocorrido na sede do Interlegis, que é um programa desenvolvido pelo Senado Federal para modernização e integração do poder Legislativo.

A palestra foi uma espécie de “condensado” de algumas aulas que dou na Pós em Software Livre do Instituto Fátima. O título é ambíguo de propósito; pode ser entendido como “porque usar, ou se interessar por, software livre?” ou como “porque (ou para que) um software é livre?”.

Está disponível para download na página de aulas e palestras.