Pick-axe Pete

Pick-axe Pete
Um excelente jogo para o videogame Odyssey2, e diga-se de passagem, um dos meus jogos preferidos de todos os tempos. O nome original dele era Pick-axe Pete. No Brasil recebeu este nome como estratégia de marketing, aproveitando o sucesso que o grupo Os Trapalhões fazia entre as crianças. O objetivo do jogo era acumular pontos, quebrando pedras em busca de ouro e explorando as profundezas de uma mina. One of the best games for the console Odyssey2, and one of my personal favorites. The game goal is to gain points by breaking boulders and finding gold inside them, and to explore the depths of a mine.

Walking by the mine
Didi (ou Pick-axe Pete, como preferir) saía com sua picareta (pick-axe, em inglês), andando pelos “andares” da mina, quebrando as “pedras rolantes” que perambulavam por ela. A picareta só durava um certo tempo, desaparecendo em seguida; daí em diante, Didi tinha que ficar se desviando das pedras, pulando ora para cima ora para baixo, até que a colisão de duas pedras soltasse outra picareta ou uma chave mágica. A picareta caía até o andar mais baixo e a chave voava até o andar mais alto. Pick-axe Pete walked along the several “floors” of the mine, breaking the rolling boulders with his pick-axe. The pick-axe soon disappeared because Pete was so strong he broke it from time to time; then he had to jump and/or crouch to avoid the boulders, waiting until two of them collided and revealed another pick-axe or a magic key. If a new pick-axe appeared, it fell until the lowest floor, while the key flied to the highest one.

breaking rocks
Para mudar de andar, Didi se valia de escadas que apareciam e desapareciam continuamente pela mina. Pegando uma chave, Didi podia entrar num dos três portais da tela (os quadrados coloridos), e assim ia para um “nível” mais profundo da mina — na verdade uma tela semelhante à anterior, mas o desenho dos andares na tela era diminuído em um pedaço, o que ia deixando o jogo cada vez mais complicado, já que você ia ficando sem lugares para pisar ou se esconder e as pedras iam rolando de forma cada vez mais aleatória.To climb up or down the floors, Pete used stairs that continually appeared and disappeared. After taking the key, Pete could enter one of the three gates (the colored squares), going then to another deeper “level” of the mines — actually the new level was identical to the previous one, except that each new level lost a small section of a floor. Because of this the game would get harder and harder each new level, since you would get out of places to walk or hide, and the boulders would roll in increasingly random patterns.

Não se deixe enganar pela aparência, este jogo vicia!Highly addictive!

The magic key appears
Entering a gate with the key

Pick-axe Pete at ClassicGaming.com
Pick-axe Pete at TheLogBook.com

UPDATE: 23/11/2009 meu novo recorde…11/23/2009 my new top score…

Top score in Pickaxe Pete

Top score in Pickaxe Pete


Top score Pickaxe Pete (just a minute before)

Top score Pickaxe Pete (just a minute before)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s